Tag Archives: jornal i

A culpa é vossa, calões!

Meus amigos, andamos todos enganados! Afinal não existe falta de trabalho em Portugal, os licenciados têm centenas de oportunidades e o desemprego é um mito!

merchePois é, estive a ler a entrevista do grande guru/motivador/empreendedor Miguel Gonçalves no jornal i e, ao que parece, andamos todos equivocados. Portanto, não quero mais ouvir dizer que a taxa de desemprego está em 17.5%! Os números do desemprego são como as seios da Merche Romero: grandes, falsos, e andam na boca de toda a gente. Os números só estão cá para nos confundir! Vamos confiar em quem: numa ciência imprecisa e misteriosa como a Matemática, que ainda por cima nos deu algumas das maiores dores de cabeça da nossa vida enquanto estudantes (e tendo em conta que um estudante passa mais tempo ressacado do que o Alberto João Jardim passa bêbado, isso quer dizer muito); ou num gajo que tem um corte de cabelo de fazer inveja a um qualquer redneck texano casado com a irmã-mãe-prima e que foi escolhido a dedo por uma pessoa idónea e de uma moral irrepreensível como Miguel Relvas?! Pois é, pessoal, há que abrir esses olhos…

Eu, confesso, adorei a entrevista. Primeiro porque já não via alguém a falar tanto de mercados desde que o Paulo Portas andava em campanha, depois porque o Profeta Miguel diz as verdades. “E que verdades são essas”, pergunta o leitor com um hálito a morcela do cozido à portuguesa de domingo?

A primeira é que, em Portugal, não há desemprego, há é gente que não quer trabalhar. Pimba! Tomem lá, portugueses,angelina que já almoçar… já lanchara… já cheiraram comida esta semana! Pois é, não vamos estar com histórias: o nosso povo odeia trabalhar. Toda a gente sabe que os portugueses são um bando de chicos-espertos, vendedores de banha da cobra e aproveitadores. Aliás, basta ver que em Portugal há gente que ganha a vida a dizer como é que os outros devem ganhar a vida em conferências, programas de TV e entrevistas para jornais, como o jornal i… E só não vê isso quem não quer! A mim já não me enganam, que eu bem vejo a fila que aumenta todos os dias na distribuição de comida em Santa Apolónia. Desde sem-abrigo, passando por idosos reformados, até a jovens com filhos… Então mas que é isto? Será que esta gente não consegue ganhar dinheiro para comer?! Se nem a vender o corpo na rua consegues ganhar dinheiro para comprar uma sandes, vais ter problemas graves na tua vida! E se és preguiçoso de mais para venderes o teu corpo, vende os teus filhos, que a Angelina Jolie ainda tem quartos livres em casa! Calões…

Dias loureiroOutra das verdades que o Messias Gonçalves nos atira à cara é que se uma pessoa com 20 anos nunca trabalhou, vai ter muitos problemas na vida, e tem muita razão. Olhem lá para o Dias Loureiro, por exemplo. Só começou a trabalhar aos 30. Já viram os problemas que ele tem? É que em Cabo Verde o sol queima a sério! Ainda corre o risco de ficar com bronze à trolha ou um melanoma… Isto para não falar no nosso primeiro-ministro, que começou a trabalhar aos 37 e que ganha uma miséria. Em compensação, os miúdos chineses que começaram a fazer bolas para a NIKE aos 5 anos estão ali cheios de dinheiro e saúde. Portanto, já sabem, mal os vossos filhos comecem a andar, metam-lhes logo uma enxada na mão se querem que o seu futuro seja risonho.

Mas as verdades do Iluminado de Norte não ficam por aqui, não pensem nisso. Mais uma vez, o Escolhido não tem pudoregipto em nos abrir os olhos e dizer que os trabalhadores têm demasiados direitos. Ora aí está! Finalmente alguém com coragem! Mas que raio de país é este em que os trabalhadores têm horários, fins-de-semana, e férias? Isto não é a Alemanha, a Suécia, a Noruega, a Finlândia ou os EUA! O que é que queriam a seguir, ganhar um concurso à Vera Pereira, querem ver?! Está na altura de acabar com o excesso de direitos dos trabalhadores! O que digo eu? Excesso?! Está é na altura de acabar com todos os direitos dos trabalhadores! Vamos acabar com os subsídios, com o limite de horas de trabalho por semana e com os salários! Vamos acabar com o desemprego e reintroduzir a escravatura! Nós até temos experiência no comércio de escravos e aposto que os submarinos levam mais gente que as antigas naus. Vamos lá, pessoal, deixem-se de mariquices e de preguiças, no antigo Egipto havia escravos e vejam lá que bonitas pirâmides eles fizeram!

E não venham com “Ai! Mas eu não percebo nada de pirâmides…”, que o Semi-Deus do Bater Punho tem resposta para vocês. Ai não sabem? Então aprendam! Se tiraste um curso de geografia, mas há uma vaga aberta para cirurgião, concorre! Tens de seguir o que o mercado quer, amigo. Nos primeiros dias vais estar nervoso, mas se sabes encontrar o Burkina Faso num mapa, também vais conseguir encontrar o pâncreas num corpo. É assim que tens de pensar se queres ser alguém na vida. Tens de perceber o mercado! Aliás, basta vermos o exemplo daquele guna que aprendeu 20 palavras em inglês, sacou os tiques de um pastor da IURD, misturou-os com a genica e a lata do Valentim Loureiro e agora anda por aí a confraternizar com pessoal do governo e empresários. Isto sim, foi um gajo que percebeu que, com o Vale e Azevedo em Inglaterra, abriu-se um mercado no que toca a vigaristas carismáticos. Por isso, meus amigos, percebam uma coisa: se estão desempregados, a culpa é vossa!

Agora, no meio disto tudo, a maior lição a tirar é: podes dizer que não percebes nada de política, Miguel Gonçalves, mas nem os cartazes do Estado Novo faziam tanta propaganda à ideologia do governo!

miguel gonçalves

Anúncios

%d bloggers like this: