Meus senhores, é o fim…

Eu vou dizer isto uma vez e depois acabou. Ouviram? ACABOU.

As mulheres estão diferentes, são rijas, cospem para o chão, e isto vi eu, ninguém me contou. São cada vez mais independentes, eu até já vi uma a conduzir um autocarro! As brincadeiras umas com as outras já não é só coisa de experimentar na universidade e a julgar pelo que tenho visto nos bares, começam por volta dos 12 anos e depois já não querem outra coisa…

Meus caros, vamos lá ver uma coisa, o Mundo mudou.
Isto de ir trabalhar, chegar a casa e ter a janta pronta já não acontece. Elas já pouco precisam de nós e se já levámos um susto quando o vibrador apareceu… eu temo que não estejamos preparados para o que aí vem.

Tenho medo. Admito, tenho medo pelo nosso futuro. Vocês são muito boas pessoas mas eu não quero ter de me abraçar a outro homem à procura de um momento de intimidade, de um carinho. Aliás, o único motivo pelo qual não cometo um crime é porque já sei que não me vou dar bem na prisão. Não vou, pronto.

O vibrador dá horas de prazer mas no fim não fica a fazer conchinha, escapámos por pouco.

vibradores

Agora… Agora temo que seja o fim.

É sabido que as mulheres, por algum motivo, não conseguem manter a temperatura corporal durante a noite e vão ocupando a cama toda até já não podermos escapar e temos de optar, ou dormimos no chão ou sentimos o afiado toque glacial da rainha do gelo que está ao nosso lado.

Isso acabou. Acabou, porque isto existe.

botija

“Ah mas botijas já existiam!” Calou, caralho! Não sejam burros e vejam com olhos de ver. Isto é o nosso fim.
Eu sei que já existiam botijas de água quente mas quem é que ia aquecer aquilo duas vezes? Estar ali aos 5 e 6 minutos à espera que a água aquecesse? Ninguém.
Depois de estarem deitadas elas só se levantam quando o cabelo estiver todo engrenhado. Era  o que nos valia.

Meus caros, isto aquece numa tomada ao lado da cama, só precisa de um minuto e mantém-se quente durante horas…

Eu perdi a minha liberdade. Ela ia deitar-se, pedia-me para ir para a cama e eu recusava, ficava horas a ver filmes, séries e a jogar… Isso acabou.
Basta um dia que não vá logo e ela percebe que já não precisa de mim para nada, um dia que eu demore a ir para a cama e fico sozinho. Um dia e não faltará muito para começar a encarar a vida na prisão com outros olhos. Um dia.

Este é o meu aviso. Estejam atentos, homens. Atentos e não deixem as vossas namoradas, esposas ou companheiras comprar este instrumento do  diabo.

Predadores, meteoritos, peste negra… tanta coisa e o que vai acabar connosco é a porcaria de uma botija de água quente.

final botija

— sigam os Aristocratas no facebook —


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: