Listas do Desassossego: Dizer Talvez Às Drogas

Num país à beira da depressão (segundo os noticiários é “à beirinha”), com cada vez mais índices de criminalidade, há que explorar novas estratégias para podermos sobreviver da melhor forma. Assim, este post não é uma recomendação, mas sim uma hipótese a todos os deprimidos – podem achar uma saída para a depressão; ou para os desempregados – podem ver uma futura carreira profissional a materializar-se. Acho sinceramente que o mundo das drogas pode ser uma boa opção, pelo menos não lhe devemos dizer não logo assim à primeira, digamos talvez.

1) Há droga baratuxa. O que interessa se é cortada com leite em pó, aspirina, cal ou mesmo farinha? O efeito placebo estará sempre lá, pelo que a nossa realidade será sempre melhorada. *Em casos de morte devido à zurrapa ser da pior espécie… dizem que por estes dias está-se bem no Paraíso;

2) A droga é viciante? Isso é mito. Se um gajo toma drogas regularmente é porque gosta mesmo delas e não por ser um carocho;

3) É um mundo de oportunidades. Imaginem que enveredam pela vertente profissional e se tornam dealers, o que não faltam são drogas para vender, desde erva aos comprimidos do reumático da avó, para tudo há comprador;

4) Franchising. Se o negócio vos correr  bem podem franchisar tendo malta a trabalhar para vocês, só necessitam de arranjar um nome para o negócio e um slogan, algo do tipo: “Drogaria do Farnel – O melhor sítio para se abstrair da sua vida, caso não consiga ver porno na internet” (tenho ideia que há aqui uma ideia para uma nova Lista…);

5) Nunca falta. Por muuuuito que se queira, a droga nunca falta, se não há de uma, é só usar outra de outro tipo. (ex.: se não há bebidas alcoólicas, beba-se álcool ou perfume da loja dos chineses, é do melhor.);

6) Fiel amigo. Um dealer pode ser um amigo para toda a vida, que no caso das drogas pesadas, pode demorar uns bons 3 ou 4 meses;

7) TDT. Estão a ler bem! Com o advento do TDT, o que fazer às televisões antigas? Um bom drogado consegue vender uma televisão analógica em poucos minutos;

8) Emagrece. Está comprovado, drogas emagrecem. Não acreditam? Perguntem ao puto querido do Sozinho em Casa;

9) Dá estilo. Também está comprovado, perguntem ao Rui Cruz;

10) 360º. Por muitas drogas que se experimentem, todos temos a certeza de uma verdade abs0luta que dura há séculos: “do pó vieste e ao pó voltarás”.

11) Digam sempre ‘Talvez’ às drogas, principalmente se forem à borla.

*Agradecimento especial ao Rui Cruz por não ter participado na produção deste texto. Como nunca o irá ler, também nunca haverá processo por utilização abusiva da sua imagem. Já o Macaulay disse que gostou muito da lista.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: